Surto?!?!?

Sim, eu sei que são 5:35 mas acordei mesmo às 2:37 e já não dormi mais, coisas da vida 😊

 

Pois é, com TANTA COISA a stressar não é que, aparentemente, estou a ter mais um surto de EM? Foi um mês de grande stress em que acabo a pensar no IRS em todas as vertentes, depois fui mesmo recebida no departamento de finanças e claro stressei ainda mais, depois foi a cena de, por acidente, ter atropelado o cão da minha vizinha, felizmente foi só um susto, mas no estado de ansiedade que estou, desmanchei-me a chorar e fiquei mesmo chateada, nunca me tinha acontecido atropelar um animal, a vizinha quando atirei o meu carro para os arbustos e o risquei para me desviar do mesmo cão, tinha-me dito que não é para me atirar para lado nenhum que os cães dela se desviavam, afinal não desviou, eu a pensar que já tinha saído da frente, até costumamos eu ou o Pedro, sair do carro para confirmar que não está nenhum à frente, mas ainda estaria deitado, eu devia ir entre 5 a 10 Km/h, afinal tinha acabado de arrancar do meu portão e tinha visto o cão deitado ali no meio do caminho, fui devagarinho a achar que se tinha desviado como de costume, quando senti a minha roda da frente a fazer um barulho tipo “poc poc” e gelou-me o sangue, comecei aos gritos bater à porta da vizinha a dizer que o tinha atropelado, ele entretanto tinha andado uns metros para trás mas estava entre rosnar se lhe  tocássemos no pescoço e abanar humildemente a causa, comigo a fazer festas e pedir desculpas… A vizinha, ao ver que eu estava perturbada, lá me tentou acalmar e foi ver do cão dela, mas fiquei a sentir-me mesmo mal com a situação, a ponto de voltar a tomar os meus comprimidos que é suposto manterem-me calma, até porque já começava a ter sintomas devido à ansiedade das outras questões e queria mesmo evitar, mas às vezes é impossível uma pessoa manter-se calma.

Depois é que me explicaram que o animal é tipo epiléptico, tem ataques e fica no chão prostrado, ninguém deu por isso naquele mmomento e eu também não sabia. A coleira, como a generalidade das coleiras, tem uma ponta solta junto à fivela e parece que o carro pisou essa ponta da coleira que ficou partida em 3 pedaços, ele deve-se ter assustado e a força que fez para tirar a cabeça deve ter magoado, daí as dores no pescoço, mas ontem já andava ai como se nada fosse e até no pescoço consegui fazer uma festinha e mexer… Foi só um susto, mas dos grandes até porque eu tenho fama de ter olho para tudo o que é animais na estrada e costumo reagir bem, mas de facto um velho mini-cão nem foi detectado pelos sensores do meu carro, foi mesmo uma questão do ângulo e do facto da pouca altura do animal… Do mal o menos que o bicho está bem 😉

Quando dei poi mim, aí na terça-feira, já andava a arrastar a perna direita, mesmo a coxear, a enfermeira mandou-me descansar sossegada um bocado, mas deitada, o pé ficou cheio de dormências e mesmo a doer, sem nada lá encostado e nota-se bem que estou a coxear, assim a olho nu… Hoje o neurologista vai decidir se vale ou não pena ir ao hospital, em princípio, se for para ir, é só levar uma dose de corticoides e ver se melhora, mas estar a ir para uma urgência geral, nesta altura do campeonato, é muito chato devido à situação que ainda se está a viver com o Covid-19 e claro que ninguém tem vontade de ir para o hospital, as pessoas não têm escrito na testa se estão ou não infetadas claro e para os casos conhecidos, eles separam as pessoas, mas podem lá estar assintomáticos… Se calhar é medo parvo mas prefiro esperar uns 2 dias para ver se isto melhora  ou não a ir já.

Nos entretantos vou andando a coxear, tenho sempre o bastão de caminhada que me dá uma boa ajuda, é um pouco ridículo andar com aquilo, mas também é um pouco ridículo andar a cair assim do nada certo? 

Agora é aguardar para ver se passa ou pelo contrário ir ao hospital, assunto arrumado… É incrível mesmo como uma, no caso várias, situações de stress se convertem assim de repente num surto de EM, não tem graça nenhuma mas pronto, também já não é a 1ª vez que me acontece 😉

A juntar à festa, ontem parecia que estava tipo elétrica, ansiosa, a fumar em série, descoordenada também, tive de ir à farmácia, na pausa do Pedro e ao chegar, eu que costumo meter o carro de traseira no portão e entro de marcha atrás para ficar apontado, pois ontem ao fim da tarde, só o meti à 5ª ou 6ª tentativa, anda frente e trás e volta frente, alinhar com o vaso da vizinha, mais volta atrás e frente, o Pedro já a gritar comigo para eu meter as rodas ao contrário… Eu que faço a manobra todos os dias e com essa manobra nunca tive problemas, ontem tal era o estado em que estava que nem algo que faço todos os dias consegui fazer bem 😒 Foi a ponto do meu filho chegar ao pé de mim e dizer “- Mãe eu não tenho carta, mas dá próxima que te veja assim, estaciono eu o carro” 😊

Medicamentos para a dor e ansiedade mais a Bíblia da Meditação
Medicamentos para a dor e ansiedade mais a Bíblia da Meditação

Portanto tudo vai andando nas (minhas) calmas 😁

( ͡ʘ ͜ʖ ͡ʘ)

Carla

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s