Na companhia de um livro

Fui marota, agarrei no #Surf e lavei tudo o que é roupa… também podia ser pior, numa máquina, a roupa minha e da Joana, noutra os lençóis, a 60° e por último tapetes, cortinas e a rede do alpendre… esta rede foi oferta da minha irmã que a trouxe do Brasil, logo no ano das obras desta casa e têm resistido e resistido, ano após ano e continua a saber  bem estar aqui deitada.

Descanso na rede
Descanso na rede

Ando a sofrer com o calor de uma maneira parva… fico subitamente impaciente, pés e pernas incham e doem e, para cúmulo, fico frustrada por não ter nem metade da energia que todos à minha volta parecem ter, tento ir, sempre, um pouco mais em frente mas acabo por me ir abaixo e não me sinto bem com isso.

Pelo menos, tenho conseguido manter a casa arrumada… não ERA muito importante para mim, para quem, certas coisas são mais futilidades do que higiene, mas parece que arranjei um grandalhão para quem isso é importante e, portando, passei a ter a casa arrumada e todos os dias um bocadinho, não custa assim tanto 😊 É o que tem vindo a acontecer 😊 Claro que vou ter sempre um dia ou outro de falha, mas muitas tenho em que faço mais do que a conta ☺ também tento fazer tudo fora da hora do calor.

Por qualquer motivo, estou programada para acordar às 7 da manhã e, apesar das férias escolares, mantenho esse hábito. No entanto, muitas vezes, parece que acordo cansada e, ao fim de uns dias neste processo, só dá vontade de tirar uns dias para dormir o que acaba por não acontecer. É aquele cansaço típico da EM, em que uma pessoa luta contra mas muitas vezes esse lutar é mesmo o esforço para arrastar em só mais isto ou aquilo 😔 frustrante até porque vejo tanta gente feliz da vida nas suas rotinas…

Por isso hoje, domingo, me está a saber  tão bem este bocadinho aqui na rede 😊 Escrever, ler e sossego… claro que já interrompi para várias coisas, dar comida às galinhas que, na sequência de uma discussão com o vizinho, tiveram de ir para a garagem, limpar o filtro da piscina pela já nem sei quantagésima  vez hoje e por aí fora, mas dá sempre para aqui voltar 😊

Na rede
Na rede

Verdade seja dita, a rede parece que encolheu um pouco na lavagem, portanto além de agradável, estar aqui deitada, acaba por ser também uma espécie de necessidade, para a fazer ir ao sítio 😀

Por outro lado chego à conclusão que parte do meu problema será estar com a autoconfiança nas lonas…

– Quantas amigas mandam fazer em vez de fazerem?

– Quantas dizem mal e criticam mas tem casas  bem piores e mais desarrumadas que a minha?

Depois vem as desculpas do “não faço porque não sei quem desarruma” ou “falta de ânimo” ou bla bla… mas a Carla é que é a desarrumada porque vive com bichos e lá vem a treta do “se eu tivesse uma cozinha assim podes ter a certeza que isto ou aquilo…” alô alô a minha cozinha é assim porque EU a projetei assim e porque EU a estou a pagar… eu e mais ninguém ok??? Em vez dos ses idealizem vocês e metam vocês mãos à obra que esta, mal ou bem, existe porque eu a idealizei e eu a pago! Mas alguém acha que não o faço com sacrifício? Tá bem abelha!

É como se eu andasse sempre à procura de apagar todos os fogos, satisfazer Gregos e Troianos e mais alguns, sempre a  dar satisfações a pessoas que não teem nada a ver com a minha casa ou vida…

Por um lado,  há muito já progredi ao ponto de me borrifar nas pessoas que não interessam, agora,  o meu  progresso tem mesmo de ser:

OK as tarefas são X e as coisas que eu quero que estejam feitas são Y e quem não tem mais nada que fazer senão falar de mim, mais vale fazer algo produtivo como arrumar na sua própria casa aquilo que não está arrumado mas que, não estando em sua própria casa, critica na minha… idiota sou eu em me preocupar sequer com as vozes de burro que não chegam aos céus e por vezes preocupo porque sou parva… Tornei-me intransigente com esse tipo de pessoas.

As coisas tem de ser feitas e determinadas nas minhas condições.  As camas há muito que se fazem todas as semanas (geralmente ao fim de semana), o chão é aspirado, a loiça vai sendo usada e colocada na máquina, as casas de banho limpam-se à segunda-feira, a roupa lava-se no fim de semana, etc. É o MEU ritmo na MINHA casa que pode ter os defeitos que quiserem (sim eu não gosto de matar as aranhas e aspiro só as teias), mas é uma lição que estou a aprender à minha custa…

NA MINHA CASA MANDO EU com as sugestões das pessoas que me são importantes e essas contam-se  pelos dedos 🙄 as outras é mesmo quem não tem mais nada que fazer na vida e portanto sugiro que arranjem uma vida.

Quanto a mim vamos ver como vai correr o resto do verão… ainda são muitas semanas de dores nos pés…

Carla

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s