ūüĆěSolinho saboroso¬†

Enquanto espero o meu amigo Artur, com quem tomo, habitualmente, café  todas as manhãs, deixo-me estar sentada aqui fora, na esplanada da Sede da Lagoa da Palha a aquecer ao sol e sabe de facto muito bem.

Tipo lagartixa ūüôā¬†¬†(Nota 1)

Nota 1: A foto não é de hoje, não tenho levado o Jerónimo comigo ao café para não baralhar as saídas de manhã para a escola.
Tenho aqui tamb√©m a Mafalda e fica complicado, √†s vezes consigo distrair a Mafalda¬†e sair com ele, mas muitas vezes n√£o…
Não importa, hoje também abriu este sol quentinho e foi o que valeu.

Dizem que, na EM, as pessoas se d√£o muito mal com o calor e de facto isso √© verdade mas, com o frio, talvez seja ainda pior porque de facto e s√≥ posso falar por mim, claro, fico com umas dores de pernas desgra√ßadas que n√£o lembram a ningu√©m… N√£o s√£o, obviamente, dores fortes como as de ter um filho sem epidural, que para mim e do que conhe√ßo, numa escala de 0 a 10 s√£o as dores 10 (ou 9 porque a ferros ser√° sim o 10), ¬†mas o frio causa de facto dores inc√≥modas, dificuldades em mexer as pernas e sei l√° que mais, ser√° como dizem, qualquer oscila√ß√£o de temperatura de mais 5¬ļ ou menos 5¬ļ causa chatices.¬†(Nota 2)

Mas pronto, toca a viver com isso da melhor forma possível que, outra maneira não há, pelo menos para mim não há!

Nota 2: No ver√£o tenho a minha pequena piscina, meto-me l√° dentro e esta-se at√© bem, n√£o se sente muito o calor… No inverno n√£o h√° escapat√≥ria ¬† e o frio faz mesmo de facto doer os p√©s e m√£os e mais o que apanhar. Mas basicamente cabe√ßa erguida e bola para a frente.

Entretanto, esta manh√£, ao chegar ao carro tinha uma dura camada de gelo no vidro… A minha Joana achou muita gra√ßa ver-me ir buscar a mangueira e atirar¬†√°gua para tirar o gelo… Acho – novamente – que vou voltar a usar a garagem mas tenho de tirar as tralhas que “o outro” l√° deixou. A¬†fechadura da porta da garagem que d√° acesso √† casa j√° foi arrombada, a meu pedido e substitu√≠da j√° que “o outro” levou essa chave com ele, juntamente com outras chaves que tenho vindo a substituir aos poucos.

Mas começa a fazer sentido colocar lá o carro. Sair de manhã e não ter o volante gelado, vidros embaciados e sei lá que mais, bem vistas as coisas é para isso que uma garagem serve, para guardar o carro e não para servir de pseudo-oficina e casa das pinturas e o raio que parta!

O custo de substituir fechaduras acaba por ser um gasto bom se pensarmos que tal pessoa saiu aqui de casa de uma vez por todas. Não tenho feitio para ser vítima de violência doméstica ou seja de que violência for e nem eu, no passado, acreditaria que levaria tanto tempo a aceitar e desculpar e voltar a aceitar. Foi-se, o que é bom, por muito dinheiro que tenha de gastar a trocar fechaduras, que ainda é algum.

Por acaso aqui onde moro, os vizinhos convivem e ajudam-se uns aos outros¬†(Nota 3) e portanto um vizinho arrombou – a meu pedido – essa porta da garagem e ainda a porta de uma outra arrecada√ß√£o que estava fechada e onde estavam sanitas velhas ?!?!?!?, mangueiras roubadas (que foram devolvias ao dono) e uma mota velha que tamb√©m n√£o √© minha e vai para a rua… nessa arrecada√ß√£o n√£o coloquei fechadura e, se calhar. n√£o coloco, tirado a tralha que n√£o √© minha. fica livre para guardar a lenha. Na porta da garagem, usei o canh√£o antigo da minha porta da rua que mandei trocar da primeira vez que o outro saiu de casa e que est√° em perfeitas condi√ß√Ķes…Assunto resolvido apenas com a compra de uma fechadura nova para a casa aqui do lado que eu e o meu pai colocamos logo… acabei por ter um custo de apenas 7 ‚ā¨ o que n√£o foi nada mau para o custo/ benef√≠cio.

Nota 3: Vizinhos que se conhecem, convivem e se ajudam uns aos outros é uma coisa rara nos dias de hoje em que se vive em prédios e ninguém conhece ninguém. Aqui não, pelo contrário, aqui as pessoas conhecem-se, cumprimentam-se e ajudam-se no que é possível.

Maid

E pronto, vou acabar de arrumar a casa… tenho um aspirador novo Becken AquaPower que, para mim, √© um espect√°culo e foi a prenda de Natal da minha irm√£ Cristina:

E tenho tamb√©m uma pistola a vapor POLTI Vaporettino difusion¬†com a qual √© muito f√°cil limpar seja paredes, portas, juntas dos azulejos e por ai fora ūüôā

Com estes novos brinquedos e OK¬†com os novos comprimidos (para a dor neurop√°tica) NORTEROL que d√£o mais energia e menos apatia, parece que vou fazendo as coisas com mais energia e gosto ūüôā Patadas de gato nas paredes j√° foram, as portas voltaram a ficar brancas e por ai fora… um destes dias vou agarrar-me aos estores, que os vidros j√° limpei e vai-se andando,devagarinho claro mas com gosto ūüôā

Agora tratar dos c√£es e cozinhar ūüôā

Se tudo correr bem, o Pedro vem esta semana e confesso que já estou com saudades, estamos todos claro, a Joana está muito contente o o Jerónimo quando o encontrar vai rebolar de alegria hehehehe

Carla

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Est√° a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sess√£o /  Alterar )

Google photo

Est√° a comentar usando a sua conta Google Terminar Sess√£o /  Alterar )

Imagem do Twitter

Est√° a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sess√£o /  Alterar )

Facebook photo

Est√° a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sess√£o /  Alterar )

Connecting to %s