Pensamentos e Lições de Vida 💓

Deparei-me com este artigo, assim de repente, logo pela manhã e como faz todo o sentido decidi partilhar aqui:

8 regras simples para se comunicar com um manipulador

De facto, as pessoas manipuladoras, podem estar ao virar de cada esquina da nossa vida e nem sempre sabemos lidar, da maneira que nos é mais conveniente, com a situação, mesmo quando sentimos que estamos a ser manipulados e muitas vezes obrigados a fazer coisas que vão contra os nossos planos de vida, aquilo que queremos e aquilo que achamos correto.

Por vezes basta estar na situação errada, à hora errada, para cairmos numa dessas situações até porque geralmente somos apanhados de surpresa.

Um manipulador é capaz de nos enredar em certas teias, de que pode ser, mais ou menos complicado sair, especialmente quando estamos numa fase em que a auto-estima pode estar mais em baixo e estou a falar em situações genéricas como por exemplo um divórcio mal resolvido, morte de alguém próximo, desemprego e por ai fora… 

Lembro até situações de mulheres cultas e bem profissionalmente que caíram nas mãos de manipuladores que as prejudicaram mesmo muito, física e/ ou profissionalmente, financeiramente também e que deixaram toda a sociedade com cara de ponto de interrogação a perguntar como foi possível a pessoa X, culta, educada, aparentemente bem na vida, deixar-se enredar em tal teia… 

Mas aconteceu e vai tornar a acontecer mais uma e outra vez! 

Falando agora por mim e analisando bem, ao longo dos meus 45 anos de vida já tive momentos de baixa auto-estima em que me coloquei à conta disso numa situação de maior vulnerabilidade… Se calhar acontece a todos mas como dizia a minha antiga médica, eu sou a pessoa menos atreita a depressões que ela dizia conhecer porque, por muito grande que seja a pancada, que tive algumas , tenho sempre a reação de arranjar um novo caminho para seguir em frente, porque há sempre um caminho e eu acredito que, no final, tudo se resolve de uma ou outra maneira.

Mas e parece que vem a propósito, ainda ontem, estive a ler um texto muito “ai coitadinho de mim” que era nada mais, nada menos, que mais uma tentativa de manipulação por meio de despertar pena, mas lá está, a mim já não me afeta, estou forte, sei perfeitamente quem sou, onde estou e para onde quero ir sem permitir que nada nem ninguém se atravesse no meu caminho.

Sinto-me também apoiada no seio de bons amigos e excelente família e com força para frisar que não quero ir para um caminho que não me convém!

Resumindo… 

Sou responsável pelo que se passa na minha vida e nas vidas dos que dependem de mim, mas não posso ser responsável, na generalidade,  pelo que se passa nas vidas dos outros e muito menos pelos caminhos que as vidas dos outros tomaram nem pelos atos de outros, mesmo que os atos dos outros tenham tido origem em situações que lhes são alheias!

Basicamente, o que se pode retirar daquele artigo, é a ideia que devemos exigir e ter o direito de ver respeitadas as nossas ideias, as nossas opiniões mesmo que diferentes das restantes pessoas, que temos de saber identificar os caminhos que não nos servem e que temos de ser firmes na defesa dos nossos interesses e aprender a dizer não quando sentimos que de alguma forma nos querem levar para um caminho contrário ao que achamos ser aquele por onde queremos trilhar!

Fora este aparte…

O meu pai veio hoje cá hoje passar o dia comigo, fazer-me companhia… Sabe bem a companhia mas além do elevador do vidro do meu carro ter avariado e estar todo para baixo, pois ele volta para casa, liga a dizer que chegou e liga novamente mais tarde a perguntar ironicamente pela chave do meu carro…  🙂 Pois estava no bolso dele, a 60 km,  em casa com ele… 

Não… Nada de outra chave… Amanhã, até ele vir, fico completamente sem carro e se quero ir ao café vou ter mesmo de ir a pé… Lá terá de ser 🙂

A minha sorte é que, por motivos financeiros, voltei a fumar da caneta e portanto não entro em stress por não ter tabaco… Sim já sei que fumar faz mal, mas no caso o mal mais imediato é mesmo o financeiro e eu ultimamente andava a fumar mesmo muito. 

Relax com a e-caneta
Relax com a e-caneta

Fora isso, estou já com todas as minhas tarefas terminadas e no relax… Daqui a pouco, como qualquer coisa, estive a abusar do bolo e não tenho fome… Depois de comer vou apagar ali em Vale de Lençóis  🙂

Arranhões
Arranhões
Negro
Negro

E ainda consequências das mazelas de ontem… Não se nota muito nas fotos mas o nó do dedo indicador está negro… Não dei nenhum murro, fui apenas arranhada pelo gato Cigano e no resto do dedo, parte exterior e interior, tenho alguns arranhões… Diz-se que quem corre por gosto não cansa… Eu cansada não estou mas que tenho o dedo dorido isso tenho… É mais uma daquelas que não mata mas mói 🙂

Os meus gatos não fazem por mal mas volta e meia pensam que eu sou o arranhador de unhas de serviço 🙂

Tem sido aliás os meus gatos, juntamente com os meus cães, as minhas grandes companhias em momentos de maior solidão 🙂

Chouriço
Chouriço descansa ao meu lado coberto de sementes

Eu confesso que lido bem com momentos de solidão e, o que adoro nos gatos, é a sua capacidade de estarem presentes mas ao mesmo tempo em silêncio, escolhem estar junto a nós mas respeitando a nossa necessidade de silêncio… Eles comunicam e cada um tem a sua própria personalidade, que não haja dúvidas quanto a isso, mas sabem viver em simbiose comigo… 

Depois há as fases deliciosas como estes 4 deliciosos bebés que aqui tenho… Eu vou fazendo milagres a tentar ter tudo esterilizado mas volta e meia é assim e são deliciosos 🙂 dois iguaizinhos ao pai, um gato que não faço ideia de onde veio mas que é um brigão e que vai ser o próximo a ser esterilizado a ver se acalma porque sozinho causa um tremendo alvoroço.

Bebés
Bebés

Grealmente as pessoas sentem-se angustiadas com a ideia da solidão, mas eu sempre fui um pouco para o solitária, metida na companhia de algum livro, sei apreciar o som do silêncio, acho um tremendo privilégio ter Cegonhas a voar em cima do telhado da minha casa ou adormecer embalada pelo som dos grilos e rãs… A maioria das pessoas não dá importância a esses detalhes mas para mim são extremamente importantes, nem eu sei explicar porquê 🙂

Lá está deve ser por isso que estou fadada a ficar sozinha mas antes assim que nas mãos de um manipulador que isso eu sei que não quero  🙂

Para terminar, começo a estar farta de ter o meu portátil que vinha com avaria há quase um mês na marca Toshiba… Tudo o que escrevo é no Telemóvel mas porra é um pouco diferente digo eu :/ 

😘

Carla 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s